16.10.14

Gossip | A história das mulheres reais ..

Muito se tem falado dos comentários feitos à Jessica Athaide no desfile da Cia Marítima. E todos os comentários me estavam a fazer alguma confusão. 

Para já, quando vi as fotos do desfile, não notei nada de escandalosamente diferente no corpo da Jéssica. Pode ter mais músculo, mas não vejo problema nenhum com isso. Pelo menos na minha opinião, não destoa nem um pouco junto das restantes meninas que desfilaram.


E depois, aquela história das "mulheres reais" chateia-me bastante. Ora, porque é que uma mulher deixa de ser real se não tiver curvas? 
Eu não tenho qualquer problema de saúde e sou magra (leia-se "sem curvas"). Se mulheres reais têm que ter curvas, a partir de que peso / medidas é que já podemos ser aceites como mulheres verdadeiras? Porque é que hei-de ser menos real que uma mulher com mais 5 kg que eu? 


Daí ter achado que fazia sentido partilhar convosco o comentário da Sara Sampaio a toda a situação, talvez por me ter identificado bastante com o mesmo. Podem ler aqui o comentário (e, já agora, aqui o da Jéssica),
 Fica então um excerto desse comentário da Sara:

" (...) vi pessoas a partilhar o texto da Jessica, em que ela própria diz que cada corpo é bonito, a dizer que preferiam ter o corpo da Jessica ao dos esqueletos da passarela! bom, os "esqueletos" das passarelas são humanos! pessoas, que tal como tu e eu têm sentimentos, e tal como tu e eu são "pessoas verdadeiras". aquele slogan de " a mulher verdadeira tem curvas" sempre me aborreceu, desculpem e agora vou ser um pouco rude, mas a mulher verdadeira como eu aprendi tem uma vagina."

E é isto. Todas somos mulheres reais. Com mais ou menos curvas.

P.S: O post deveria ter sido sobre a Holanda e não sobre isto. Devia porque era o que tinha pensado e devia porque era sinal que nada desta história das mulheres reais existia. Mas ainda esta semana vai estar disponível pelo menos um post sobre a viagem.

2 comentários:

  1. Eu tenho curvas e também não percebo isso de «a mulher real tem curvas». Sempre senti que era uma estupidez dizer isso! Somos todas reais, lindas e já agora... a Jéssica estava maravilhosa!

    ResponderEliminar